Bath: uma Inglaterra romana

DSC05290

A cidade de Bath, localizada cerca de 120 km de Londres, acaba sendo um ótimo passeio de um dia quando se está visitando Londres.

Na verdade, o ideal mesmo seria poder passar ao menos dois dias por lá, para sentir mais o espírito da cidade. Entretanto, um passeio por lá já vale bastante, mesmo sem passar a noite.

É uma pequena cidadezinha histórica e, para mim, não parece muito com as pequenas cidades inglesas. Claro. Bath foi ocupada pelos romanos em algum momento da sua história e eles lá descobriram suas fontes termais, criando piscinas e balneários, preservados até hoje e o maior motivo da minha vontade de conhecer essa cidade.

Bem, assim que chegamos a Bath, vimos duas construções muito interessantes. Uma é o Royal Crescent. Construído em um formato meio curvo em 1760 e alguma coisa, o prédio é como se fossem umas casas geminadas. Hoje uma delas é um museu, com decoração da época, e ali também funciona um hotel luxuoso, com esse nome mesmo (Royal Crescent). Com certeza, seu eu tivesse dormido na cidade teria sido ali! E a outra construção que logo na entrada chamou a nossa atenção foi o Bath Circus, também projetado mais ou menos na mesma época do Royal Crescent e pelo mesmo arquiteto. Pelo que nosso guia falou (e pelo que eu entendi do que ele falou) são, também, residências geminadas em formato circular e a arquitetura foi inspirada no Coliseu de Roma.  Enfim, são duas construções bonitas e bem diferentes.

DSC05286

Depois, caminhando, passamos pela linda e imponente Catedral de Bath. Ali, na frente da igreja, estavam vários artistas de rua, cada um mostrando sua arte. Um tocando música, outro fazendo desenhos, outro pintando quadros. Um lugar bem gostoso e um espaço cultural a céu aberto. Ali também, próximo à igreja, existem vários restaurantes, bares e cafés bem charmosos.

DSC05293

Seguimos andando para entrar no lugar chamado “The Roman Baths”. Pra mim, a grande atração da cidade. Um museu construído nas ruínas preservadas das termas da época da ocupação romana. A construção histórica é linda, está muito bem preservada e a sensação que se tem, se você ignorar todos os turistas ali ao seu lado, é a de que se voltou no tempo. Até porque ficam circulando por ali atores/guias vestidos com roupas da época. Dão explicações sobre o local e aceitam posar para fotos.

Quase dá para sentir a vida como era por ali há 2 mil anos…

DSC05299

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *